Rádio Arara FM - ZYL 735 - 87,9 MHz

Últimas Notícias

Campeonato de Arara chega ao seu final,Bela Vista x Guarani Quem será o Campeão ?

Written By Sejam bem vindos à Rádio Arara FM on sábado, 20 de dezembro de 2014 | 03:32

Depois de vários jogos e muitos gols, chegou à hora de conhecer o grande campeão do campeonato de futebol de campo do município de Arara edição 2014, campeonato que leva o nome de taça Severino Fernandes (Raminho).

A final irá acontecer neste sábado dia 20 de Dezembro do campo municipal José Olinto de Souza, conhecido como campo da rua verde aqui em Arara. O primeiro jogo acontece as 14 horas com a decisão do terceiro lugar,entre as equipes do Palmeiras do sitio Lagoa de Pedra e Fluminense do sitio Jabuticaba.

As 15h15min acontecerá a final, com um jogão de bola entre Bela Vista e Guarani do Sitio Lagoa de Pedra,haverá troféus para as quatro melhores equipes do campeonato,além disso premiação em dinheiro para as equipes :

CAMPEÃO- R$ 1000 

VICE-CAMPEÃO – R$ 500,00

TERCEIRO - R$ 300,00

QUARTO - R$ 200,00

Os Jogadores destaque do campeonato como o artilheiro receberá um belo troféu, já o melhor goleiro receberá um troféu e um par de luvas, os troféus já estarão em exposição no campo ante das partidas.



Fonte: Portal Arara com informações de Ramon Rafael

Foto : Ramon Rafael

Mais de 5 mil devem fazer nova prova de concurso de Campina Grande

concurso,0Os 5,3 mil candidatos de nível superior do concurso da Prefeitura Municipal de Campina Grande voltam a fazer provas no domingo (21). As provas anteriores foram anuladas após um problema técnico que afetou o gabarito. De acordo com a Comissão Permanente de Concursos (CPCON) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) as novas provas para os 28 cargos de nível superior acontecem das 8h às 12h (horário local), mas a recomendação é que os candidatos cheguem ao local de prova com pelo menos 45 minutos de antecedência.
O gabarito anterior, divulgado no dia 24 de novembro, causou polêmica porque todas as questões de Português e Raciocínio Lógico para os cargos de ensino superior – as 25 primeiras para qualquer cargo – tinham a alternativa “A” como resposta correta. A comissão informou que o problema ocorrido com o gabarito foi uma falha técnica do sistema de computador que deveria fazer a distribuição automática e aleatória das alternativas. 
Ainda segundo a CPCON, as provas serão realizadas em 11 setores distribuídos entre o Campus I da UEPB, no bairro de Bodocongó, no Centro de Ciências Jurídicas da universidade e no colégio 11 de Outubro, no Centro, e nas escolas estaduais de ensino fundamental e médio Hortênsio de Souza Ribeiro (Premen) e Senador Argemiro de Figueiredo (Polivalente), no bairro do Catolé.
As provas serão refeitas nas três áreas temáticas (Português, Raciocínio Lógico e Conhecimentos Específicos) e o conteúdo programático será o mesmo exigido no edital do concurso. A expectativa da CPCON é de que ainda no domingo seja divulgado o gabarito provisório, e que na segunda (22) e terça-feira (23), os candidatos possam entrar com recurso quanto à prova e ao gabarito provisório. 
Fonte: G1PB

Federação Paraibana de Futebol desiste de adiar início do Paraibano

bola-de-futebolSem mudanças. Foi assim que terminou a reunião realizada ontem na sede da Federação Paraibana de Futebol entre os clubes que vão disputar o Campeonato Paraibano, a Junta Administrativa que gere a entidade e o presidente eleito Amadeu Rodrigues.
A pauta do encontro era sobre o possível adiamento da competição para fevereiro, ideia levantada por Amadeu, que queria adequar o torneio ao calendário formulado pela Confederação Brasileira de Futebol para o ano que vem. A sugestão, no entanto, não foi acatada pelos clubes, e o torneio vai ser iniciado no dia 10 de janeiro.
O interventor Eduardo Faustino foi quem presidiu a reunião, representando a Junta Administrativa, e comandou a dinâmica do encontro. O primeiro a falar foi o presidente eleito da FPF, Amadeu Rodrigues, que expôs sua preocupação do calendário do Paraibano não obedecer o proposto pela CBF, que prevê os estaduais para fevereiro, após um mês de férias e outro mês de pré-temporada.
Os dirigentes, contudo, explicaram que o Conselho Arbitral foi realizado antes da publicação do documento, que informava como seria o calendário do futebol brasileiro.
Fonte: Jornal da Paraíba

Guarabira: Santuário de Frei Damião completa uma década de existência

Memorial-Frei-DamiãoO Santuário de Frei Damião completou nesta sexta-feira (19) uma década de existência. São dez anos contribuindo  para o turismo no município de Guarabira, para a fé dos romeiros, e para o crescimento econômico de toda uma região.
A inauguração ocorreu no dia 19 de dezembro de 2004, e fez circular por Guarabira, segundo a dados da Polícia Militar, mais de 80 mil pessoas. Para sua edificação foram realizadas parcerias entre a Diocese de Guarabira, através do Bispo Dom Antônio Muniz e o padre Monsenhor José Nicodemos, a Prefeitura de Guarabira então administrada pela prefeita Léa Toscano, o Governo do Estado da Paraíba através do então governador Cássio Cunha Lima, além da ajuda do então deputado e atual prefeito do município, Zenóbio Toscano.
A estátua foi projetada pelo arquiteto Alexandre Azedo, o Memorial Frei Damião foi de autoria do arquiteto paraibano Gilberto Guedes, tendo como engenheiro responsável o senhor Argemiro Brito de França. Tendo as obras iniciadas em 27 de março de 2000.
O local foi transformado em santuário através de um decreto emitido pelo então administrador apostólico Dom Jaime Vieira Rocha em 2007, tendo como primeiro reitor o padre Gaspar Rafael Nunes. Com a medida lá podem ser realizados casamentos e batizados.
Em 29 de Abril de 2013, Dom Lucena, Bispo de Guarabira entregou o Santuário de Frei Damião aos cuidados da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, da qual o “Servo de Deus” Frei Damião fazia parte.
Com aproximadamente 34 metros de altura o memorial atrai turistas de vários locais e é a 3º maior estatua católica do brasil, perdendo somente para o Cristo Redentor e pro Alto de Santa Rita de Cássia, a maior estátua da América e a maior estátua católica do mundo.
Apesar de cedido à Diocese, a atual administração tem colaborado constantemente com o local, como na limpeza da estátua e o apoio nas romarias.
Fonte: portalmidia

CMN prorroga por um ano renegociação de dívidas de produtores rurais

foto mulheres agricultoras clovishOs produtores rurais que devem aos fundos constitucionais de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), do Norte (FNO) e do Nordeste (FNE) ganharam mais um ano para renegociar os débitos. O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou a prorrogação do prazo de renegociação do saldo devedor para 30 de dezembro de 2015. Originalmente, o prazo acabaria no fim deste ano.
Para aderir à renegociação, o produtor deverá pagar pelo menos 10% da dívida à vista. O restante poderá ser parcelado em até dez anos, sendo que a primeira prestação pode começar a ser paga somente no segundo ano. O parcelamento abrange os produtores rurais que contraíram empréstimos de qualquer um dos três fundos até 31 de dezembro de 2008 e estavam inadimplentes em 31 de dezembro de 2012. Tanto operações com risco total como com risco parcial podem ser renegociadas.
Segundo o Ministério da Fazenda, a prorrogação permitirá que a inadimplência nas operações em que os fundos constitucionais assumem o risco de calote continue a ser diminuída. Além disso, as instituições financeiras poderão atender aos pedidos de mutuários que ainda não regularizaram as dívidas.
O CMN também aprovou a mudança da data de contratação dos financiamentos para a comercialização de maçã. Os empréstimos para uma safra agora podem ser contraídos de 1º de janeiro a 30 de dezembro de cada ano. De acordo com o Ministério da Fazenda, a data anterior – 1º de julho a 30 de junho do ano seguinte – não era compatível com o desenvolvimento da maçã e dificultava o acesso ao crédito pelos produtores, que estavam sem capital para contrair empréstimos pelas regras anteriores.
Fonte: Agência Brasil

ARARA: 53 Anos de Emancipação Política

Written By Sejam bem vindos à Rádio Arara FM on sexta-feira, 19 de dezembro de 2014 | 05:01

Emancipado de Serraria e instalado em 1961, o município de Arara hoje comemora 53 anos de emancipação política, entenda um pouco da história da cidade.
Reprodução: Internet

Arara é um município brasileiro do estado da Paraíba, Localiza-se na Mesorregião do Agreste Paraibano e na Microrregião do Curimataú Ocidental. Em 2014, possuía uma população de 13.258 habitantes, em uma área territorial de 99 km². Sua principal via de acesso é pela rodovia PB-105, está distante 155 quilômetros de João Pessoa, a capital do estado.
A sede municipal tem uma temperatura média anual de 22,4 °C e a vegetação predominante é a caatinga, tendo remanescentes de mata atlântica na região leste do município, localizando-se, neste modo, numa área de transição. Cerca de 70% da população vive na zona urbana.
O município foi emancipado da cidade de Serraria e instalado em 1961. A origem de seu nome se deve-se pela grande quantidade de aves deste tipo (araras) que existiam antigamente no local.
Tradicionalmente desde o ano de 1887, a cidade costuma realizar no mês de setembro a festa da padroeira do município, consta na programação a apresentação de bandas Filarmônica, pregações religiosas, desfiles cívicos e apresentações de bandas populares. O ponto principal das festividades é a procissão da Nossa Senhora da Piedade, onde os fiéis percorrem as principais ruas do município levando a imagem da santa, louvando-a com cânticos religiosos.

Segundo o geógrafo e historiador Antonio Gregório da Silva, no seu trabalho mimeografado "Arara, 125 anos depois… Fatos que devem ser Lembrados" a origem do povoado de Arara, ocorreu na segunda metade do Século XIX, quando tropeiros viajantes que faziam o transporte de carne de sol, farinha de mandioca e rapadura, entre o Curimataú, Seridó e o Brejo Paraibano, aproveitavam as sombras das copas das inúmeras árvores da família das "Baraúnas" que existiam nas proximidades de um riacho, situado ao norte do Engenho Porções, nos contrafortes do Planalto da Borborema, depois de três léguas de cavalgada no local onde hoje se encontra edificada a cidade de Arara.
Aos poucos, este local tornou-se ponto de encontro e de comércio entre os tropeiros viajantes que demandavam do Brejo ou da região do Curimataú onde faziam suas compras de carne de sol,farinha de mandioca e rapadura, alimentos de primeira necessidade negociados entre os "sertanejos" e "brejeiros" naquela área, que logo ficaria conhecida pelo nome de "Baraúnas das Araras" em virtude do grande número de aves desta espécie ali existentes ainda por volta do ano de 1860.
Foi então que nesta mesma época, proveniente do estado do Ceará, chegou a região o Padre-Mestre-Doutor José Antônio Maria Ibiapina, que muito influenciou para o desbravamento e progresso da região do Curimataú, onde hoje se encontra o município de Arara. Ele fundou próximo a atual cidade de Arara a Casa de Caridade de Santa Fé, instalada no ano de 1866, em um terreno doado pelo Major Antônio José da Cunha e sua esposa Cândida Americana Hermogenes de Miranda Cunha, proprietários de jazidas de calcário na região.
O Major Antônio José da Cunha, também construiu a primeira casa da futura povoação de Arara e muito contribuiu para o seu desenvolvimento até o ano de 1881 quando veio a falecer com 94 anos de idade. Sua esposa Cândida Americana, que era muito religiosa, fez a doação ao Padre Ibiapina, de parte da fazenda, com casas, bovinos, asininos e muares para construção de mais uma casa de caridade em Santa Fé.
A Igreja Matriz de Arara sob a invocação de Nossa Senhora da Piedade, teve sua construção iniciada também pelo Padre Ibiapina, que chegou a prestar igualmente relevantes serviços à comunidade que ali se formava.
Em 1876 o povoado já tinha cerca de 80 casas e 500 habitantes. Cândida Americana morreu pobre e esquecida, no final do Século XIX, em um humilde casebre, edificado em frente a Igreja Matriz de Arara. Como no Brasil, tem-se o costume de se esquecer a memória dos antepassados, o nome de Cândida Americana ficou esquecido por mais de cinquenta anos, quando finalmente foi lembrada na década de 1970, denominando uma rua secundária na cidade de Arara.
Arara foi mencionada como distrito do município de Serraria na divisão administrativa do Brasil no ano de 1937 e 1938. No início da década de 1960 Arara já era maior e mais acessível do que a própria sede do município, mesmo assim continuava atrelada ao domínio administrativo dos serrarienses. Porém pouco tempo depois Arara conseguiu sua emancipação política conseguida através da Lei n° 2.602, de 1° de dezembro de 1961, ocorrendo sua instalação oficial no dia 19 do mesmo mês e ano, desmembrando-se de Serraria. Muitos trabalharam pela sua emancipação, dentre eles podemos destacar a família de Marísio da Cunha Moreno.

Redação/Arara FM
Fonte : wikipedia


Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Arara Entrega dos kits do programa P1 +2

Entrega dos kits do programa P1 +2 na do sindicato dos trabalhadores rurais de Arara-PB. Com a participação do presidente, vice- presidente do str de Arara Gabriel e os animadores do polo da borborema. Além da participação de 35 agricultores (as). 

Pois é partir dessa entrega que muitos dos agricultores (as) começam seus trabalhos nos arredores de casa.




Fonte: Redação/Portal Arara 
Com informações e Fotos do Facebook do STR de Arara

Motel de Guarabira recebe menores de idade em suíte presidencial

motel
Descumprindo a legislação vigente um conhecido  motel da cidade de Guarabira tem recebido em seu recinto a presença de menores de idade nos últimos dias. De acordo com informações chegadas à nossa redação, essa semana o fato ocorreu pelo menos quatro vezes.
Sabemos que o controle neste tipo de situação não é fácil, no entanto os motéis devem criar mecanismos que possam coibir a prática.
Segundo nos foi repassado a maioria dos menores chegam ao local de moto, os encontros são em uma suíte presidencial dentro do motel, onde se reúne jovens para práticas de orgias. Além disso se comenta que a maioria são menores e reconhecidos por funcionários do Motel, que não proíbem nem alertam os visitantes.
A reportagem tem uma função social e presta serviço à população e sempre prega pelo cumprimento da lei. Caso os funcionários do motel não comecem a coibir as práticas já citadas será enviada ao MP uma denúncia formal do caso para que sejam chamados os responsáveis pelo estabelecimento e que sejam punidos pela lei.
Fonte : Portalmidia
 

Todos os Direitos Reservardos © 2014. Rádio Arara FM - ZYL 735 - 87,9 MHz